Notícias

ESCOLA DIGITAL EM DESTAQUE NA VOLTA DO SECUNDÁRIO 2018

“Não estás farto de andar com os livros às costas?” é o slogan da iniciativa da JSD

A tradicional Volta do Secundário da Juventude Social Democrata começa esta semana e debruça-se sobre o peso nas mochilas dos estudantes, bem como sobre a forma como a digitalização poderá contribuir para o fim da carga excessiva transportada pelos jovens.

Esta campanha de regresso às aulas é a mais antiga e uma das mais bem-sucedidas iniciativas junto das escolas da região e do país. Nesse sentido, a JSD vem reforçar e valorizar a Volta do Secundário, para que, com o arranque do ano letivo que agora se iniciou, a Comissões Política Distrital e Concelhias consigam manter a proximidade com as escolas e respetivas Associações de Estudantes.

Com efeito, durante as próximas três semanas, simultaneamente, a JSD terá equipas nas zonas Norte e Sul do distrito de Castelo Branco, para que os alunos recebem a visita da Juventude Social Democrata, conhecendo melhor o trabalho que têm desenvolvido, apresentando os seus anseios e tendo oportunidade de expressarem os seus anseios e preocupações à maior juventude política portuguesa. É nosso desiderato fazer com que todas as estruturas locais reúnam as condições de forma a poderem dar continuidade a esta iniciativa ao longo do ano letivo, estreitando laços de confiança e proximidade, características que definem a JSD.

Como vem sendo habitual, a JSD direciona a Volta para uma temática que vá de encontro à estratégia política para a Educação que vem a seguir. Assim sendo, no dia em que os representantes da equipa nacional visitam o distrito, será realizado um levantamento real da média idade/peso que cada jovem carrega às costas para poder ir estudar. O objetivo é pesar as mochilas dos estudantes do ensino secundário (no âmbito do combate à excessiva carga de papel que os alunos são obrigados a transportar), por forma a alertar para a necessidade de a escola se adaptar ao século XXI, modernizando-se e adaptando-se às novas tecnologias, defendendo a JSD:

1) A substituição do papel por livros digitais;

2) Aulas em regime E-Learning;

3) Salas de aula equipadas com tablets e computadores;

Para além disso, a JSD quer ainda reafirmar junto dos jovens estudantes a sua posição quanto à aposta na educação não formal e quanto a uma maior valorização da disciplina de educação física.

Estará disponível um espaço lúdico de forma a proporcionar aos estudantes um espaço destinado à diversão e à facilitação da comunicação entre a JSD e os mesmos.

22 de Setembro de 2018,

A Comissão Política Distrital da JSD Castelo Branco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *