Notícias

JSD REATIVA CONCELHIA DE BELMONTE

JSD FAZ HISTÓRIA COM REATIVAÇÃO DA CONCELHIA DE BELMONTE, que esteve eleita apenas uma vez em 43 anos

 

A JSD Distrital Castelo Branco fez história esta semana, com a reativação de uma estrutura local sem órgãos eleitos há cerca de 25 anos. A referida concelhia só esteve em funções com a liderança de Luís D’Elvas e a reativação não voltou a ser conseguida – até agora. Com efeito, no passado sábado, dia 9 de setembro, decorreram as eleições para a concelhia da JSD de Belmonte, pondo termo à inatividade dos órgãos e marcando um novo ciclo regional.

 

Registada uma afluência às urnas de 70% dos militantes com capacidade eleitoral ativa, a nova Comissão Política e Mesa do Plenário foram eleitas por unanimidade, sem registo de votos nulos ou brancos.  A JSD Belmonte é agora liderada por Mafalda Carvalho, estudante da licenciatura em Ciência Política e Relações Internacionais da Universidade da Beira Interior e jovem ativa e interventiva durante todo o seu percurso básico e secundário, com destaque para os resultados obtidos no Parlamento dos Jovens e as ações de voluntariado e prestação de serviços à comunidade. Mafalda Carvalho tem como Vice-Presidente Vera Pinto e como Secretário-Geral Marco Sebastião, acompanhados por quatro Vogais: Leonor d’Elvas, Índia Cunha, Hugo Morão e Marco Morão. A nova Mesa do Plenário Concelhio é presidida por António d’Elvas, tendo como Vice-Presidente João Gomes e Secretário André Fernandes, acompanhados por Carolina Parreira e Eliana Pereira.

 

No manifesto eleitoral, esta equipa apresenta-se com o intuito de proporcionar aos jovens uma maior participação na vida do concelho, tendo como propostas realizar debates diversos, incentivar o espírito de solidariedade através de ações de voluntariado e desenvolver atividades junto da comunidade escolar de modo a ajudar nas escolhas para o futuro. Não deixam de lado também a criação equipas de trabalho multidisciplinares para desenvolver novas ideias e projetos.

 

O Presidente da JSD Distrital Castelo Branco afirma que “nada se consegue sem esforço e trabalho em equipa”, bem como que “esta vitória é fruto de muita dedicação por parte dos excecionais quadros que tenho a honra de acompanhar e que tornam o serviço à comunidade num prazer inigualável”. Para Hugo Lopes, este é “um marco incontornável para a JSD: depois de reativarmos a JSD Proença-a-Nova, a JSD Sertã, o NESD/UBI e o NESD/IPCB, acreditamos que a emergência da JSD Belmonte não só representa o reconhecimento dos jovens face ao trabalho abnegado que realizamos, mas também o início de um novo ciclo político, agora que temos todas as concelhias da Cova da Beira e do Pinhal Interior Sul em funcionamento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *